FANFIC - INTERLÚDIO - CAPÍTULO 24 - BY JULIANA DANTAS

Boa tarde galera! Mais um capítulo curtinho, mas a tensão agora é maior... Então leiam e aguardem o próximo...

Interlúdio - by Ju
Título: Interlúdio
Autora(o): Juliana e Lilica
Shipper: Bella e Edward
Gênero: universo alternativo, personagens humanos (nada de vampiro), romance, drama.
Censura: NC-17

Interlúdio

By Juliana Dantas

Capítulo 24

Enquanto eles comiam obrigando-a a sentar-se à mesa e falando coisas de um passado que gostaria de esquecer, Bella rezava para que eles não descobrissem sobre Angie.

De repente um barulho de carro se aproximando os fez ficar em alerta.

Deus, será que Alice tinha vindo afinal?

Bella estremeceu.

Laurent se levantou segurando a arma, enquanto Victória pegou seu braço.

-Quietinha... – sussurrou enquanto a empurrava para a sala.

-Achei que tinha convencido a sua amiguinha a não vir... – Laurent falou olhando pela janela.

-Ela disse que não vinha. – falei nervosa.

-Oh... Mas não é sua amiguinha que está vindo. É seu namoradinho.

Eu gelei.

Não. O que diabos Edward viera fazer ali naquela hora?

Alice. Bella fechou os olhos entendendo. Alice com certeza o alertara de que tinha algo errado.

Da onde estava ouviu os passos cada vez mais perto de Edward. Não havia nada que ela pudesse fazer.

Ele entrou na sala e olhou pra Bella e por um segundo, ela viu certo alivio ali, mas então seu olhar foi pra Victória e Laurent. E para a arma de Laurent apontada para Bella.

-O que está acontecendo aqui? - indagou tenso.

Laurent riu.

-Se prometer se manter calmo, eu guardo está arma... – Laurent falou – Nós somos amigos da Bella e estamos de visita.

-Estão apontando uma arma para ela.

Victória riu.

-Isto é porque a Bella não acredita em nós, mas somos velhos amigos. De Forks.

O olhar de Edward procurou o de Bella e ela podia sentir a tensão que emanava dele.

-Você está bem?

Bella sacudiu a cabeça afirmativamente.

-E onde está...

-Está tudo bem Edward... – o cortou, rezando pra que ele entendesse e não falasse de Angie.

-Quem são vocês? - Edward indagou.

-Amigos da Bella – Victória respondeu sorrindo – Laurent guarda esta arma, está assustando o namorado da Bella.

Meio a contra gosto, Laurent guardou a arma.

-Não banque o engraçadinho. – resmungou.

-O que está acontecendo aqui? - Edward indagou.

-Viemos fazer uma visitinha... – Victória sorria – A Bella é muito ingrata com os velhos amigos, ainda mais velhos amigos com quem tem contas pra acertar...

-Se a Bella não quer mais contato com vocês, deveriam concordar e ir embora.

Victória soltou uma gargalhada.

-Não é assim tão fácil. Estamos procurando por ela há muito tempo.

-O que querem? Dinheiro?

-Olha moço, serei sincera com você. A Bella foi responsável pela morte do meu namorado. E ela fugiu. Não pagou pelo crime.

-Vão entregá-la pra polícia, é isto?

-Não. Eu quero que ela sinta o que eu senti.

-Vocês são loucos. Acho que deveriam ir embora antes que eu chame a polícia.

-Não adianta ficar nos ameaçando.

E antes que mais alguma palavra fosse dita, um choro de bebê invadiu a sala.

Angie tinha acordado. O coração de Bella gelou.

Laurent e Victória se entreolharam, confusos.

E como se agindo por impulso, Edward deu um passo em direção ao quarto.

Mas Laurent se colocou a sua frente, segurando a arma novamente.

-Tem uma criança aqui? - Victória indagou.

-É a nossa filha. - Bella respondeu – Eu preciso... Preciso pegá-la – falou angustiada com o choro que apenas aumentava.

-Oh... Então andou mesmo brincando de casinha não é?

-Por favor, eu apenas preciso fazê-la parar de chorar.

-O que vamos fazer Victória? - Laurent indagou.

-Este choro está se tornando bastante chato mesmo. Eu vou lá pegar sua bebê.

-Não! – Edward sibilou tenso.

-Ela não a conhece... – Bella disse tentando ganhar tempo – Por favor, me deixeeu ir buscá-la.

-Vá com ela Victória. Apenas faça este choro maldito parar. – Laurent falou nervoso.

Victória segurou o braço de Bella a forçando a ir em frente.

-Nem pense em fazer nada idiota, entendeu? - Victória resmungou em seu ouvido.

É claro que ela não faria nada idiota. Não com sua filha ali.

Bella correu para o berço de Angie e a pegou no colo, sussurrando, baixinho, palavras de conforto e a menina parou de chorar.

Então encarou Victória por cima da cabeça do bebê.

-Por que está fazendo isto comigo? Porque não me deixa em paz?

-Porque deveria? Você se intrometeu entre mim e James.

-James está morto!

-E a culpa é sua!

-Não, não é. É isto não é? Sabe o que eu acho, Victória? Que vocês foram responsáveis pelo acidente. Por isto me perseguem. Por isto tentaram me matar naquele dia.

Victória sorriu sem nenhum humor.

-Até que você não é tão burra...

-Se foram vocês e me incriminaram, porque ficam atrás de mim?

-Porque queremos ter certeza que se calará pra sempre.

-Então deixe Edward e minha filha em paz. Eles não têm nada a ver com isto.

Victória gargalhou, se aproximando.

Bella deu um passo atrás automaticamente, segurando com mais força Angie contra o peito.

-Deixe-a no berço. – Victória pediu duramente.

Bella obedeceu.

De repente as duas pararam ao ouvir um som de tiro no outro cômodo
Sem pensar, Bella correu para a sala, ignorando se Victória viria atrás ou não.

E soltou um grito ao ver Edward no chão, com sangue sobre seu peito.

- O que você fez? - Victória indagou assustada.

-Ele chamou a polícia! Ele chamou a polícia!

-Edward? – ignorando Victória e Laurent, Bella ajoelhou em cima de Edward colocando os dedos sobre seu pescoço. O coração ainda batia fracamente.

Ao longe se ouviu um som de sirene.

Ela olhou pra cima a tempo de ver Victória e Laurent escapulindo pela porta, provavelmente esquecidos dos seus planos malucos
mas ela não se importava que eles estivessem fugindo.

Edward estava se esvaindo em sangue na sua frente.

E a sirene da policia estava cada vez mais próxima.

Anos de fuga a fez pensar que teria que dar o fora dali antes que a polícia chegasse.

Mas este pensamento durou apenas alguns segundos.

Estava cansada de fugir. Estava cansada de tudo.

Ela não poderia deixar Edward ali.

Chorando sem perceber, ela colocou a mão em seu peito, tentando estancar o sangue e esperou.

Continua...

Bem tenso essa capítulo né? Amanhã saberemos o que acontecerá com Edward... E com Bella também... O final se aproxima, então não deixem de ler e, claro, comentar. Beijos e até amanhã.

3 comments :

  1. flor to achando esses cap um pouco curtinha não!!! anciosissima para o proximo cap! beijusculo

    ReplyDelete
  2. OMG! o que será que vai acontecer com eles?! ansiosa pelo capitulo de amanha!

    ReplyDelete
  3. OMG OMG OMG OMG!!
    Eddie não pode morrer!!

    ReplyDelete