FÃ CASA-SE COM EDWARD DE PAPELÃO.


Uma garota chamada Lauren Adkins decidiu que o Edward de papelão era melhor que todos os seus ex-namorados e, seguindo o conselho de uma amiga, decidiu casar-se com o cartaz em Las Vegas. Segundo o tabloide The Mirror, Lauren de 25 anos, revelou que o “casal” está mais feliz do que a maioria dos recém-casados. Ela declarou: “o Edward achatado é o mais próximo que posso ter do real e é o ideal para mim”. Veja todos os detalhes do casamento clicando em read more:






Mas não saiam a criticar Crepúsculo por isto! A culpa é totalmente da Disney! Adkins revelou que, enquanto criança, era obcecada com os finais dos contos de fadas e vi as versões de Cinderela e Branca de Neve da Disney até as cassetes ficarem gastas. Quando chegou à adolescência, tornou-se fã de comédias adolescentes e sonhava em conhecer o seu príncipe encantado na noite do baile de formatura, coisa que nunca aconteceu! Quando chegou aos 17, estava solteira e desesperada quando, então, mudou-se e começou a faculdade. Os seus namorados nunca atingiram o nível ideal sonhado por ela, por isso leu Twilight e Edwardapareceu na sua vida. “Era diferente de qualquer outra história de amor, o protagonista poderia tanto sugar o teu sangue quanto abrir-te a porta. Eu estava obcecada! Edward era quieto e misterioso, ainda assim superumano e invencível! E muito sexy! Eu devorei os livros e esperei nas filas do cinema para ter a minha primeira visão de Edward. Quando Robert Pattinsonapareceu no ecrã à meia-noite, ele estava perfeito. Eu soube naquele instante que queria casar com ele!”

Alguns meses depois, viu numa loja de discos um stand de papelão de 2 metros do Edward: “Eu sabia que era de papelão, mas não me importei. De repente, senti uma urgência em possuí-lo. Agarrei o seu torso rígido e enfiei debaixo dos meus braços antes de marchar para o balcão e pagar 20 dólares por ele.” Naquela noite, Lauren colocou o Edward de papelão em frente à sua cama e não tirou os olhos dele. Nos meses seguintes, passou a levá-lo com ela para os lugares e assim os dois tornaram-se as duas metades da mesma laranja. Foi aí que ela passou a pensar “os meus outros namorados eram tão vazios que me sentia como se estivesse com um molde de papelão, então qual é a vergonha em sair com Edward?”

“Foi aí que uma amiga que pensava que eu estava a ficar louca disse-me ‘se o amas tanto, porque não te casas com ele?’ e então os sinos tocaram na minha cabeça e pensei ‘ela está certa, por que não me caso?’”. Lauren procurou online uma igreja onde pudesse casar-se com o seu amado Edward e a capela Viva Las Vegas aceitou fazer o matrimónio. Até ofereceram uma escolha entre um padre ou um imitador do Elvis Presley.

“Casei-me em janeiro, com o vestido branco que sempre sonhei. Fiz a recepção numa galeria de arte e encomendei champanhe e um bolo de 5 camadas para os meus 50 convidados. Tudo custou cerca de 2 mil libras, mas não me importei, eu queria tudo direitinho. Tivemos a nossa lua-de -mel em Los Angeles e subimos no símbolo de Hollywood juntos. Eu tive de carregá-lo e tivemos que fazer isso à noite, porque ele não pode sair ao sol. Mas toda a gente faz sacrifícios pela pessoa amada, não é?”

No comments :

Post a Comment